CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA

CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA
CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA - SEDE

19 de dez de 2009

A Mulher Segundo o Coração de DEUS.


A mulher foi a obra-prima da criação divina, idealizada para ser a ajudadora do homem (Gn 2.18)
O pecado, contudo, danificou a ambos, fazendo-s caírem da graça e se tornarem pecadores (Rm 3.23; 6.23)
Deus, ao enviar Seu Filho ao mundo, trouxe também a possibilidade da restauração da raça humana e dos papéis que ambos deveriam ocupar (II Co 5.17)
Gostaríamos de destacar 15 coisas que existem no coração, caráter e vida de uma mulher regenerada por Cristo, uma mulher segundo o coração de Deus.

1. TEM CONSCIÊNCIA DA RAZÃO DA SUA EXISTÊNCIA, MISSÃO E PECULIARIDADE FEMININA
Sabe que foi criada para ser a ajudadora do homem (Gn 2.18)
Sabe que foi dotada do dom da maternidade, mediante o qual educa e renova o mundo (I Tm 2.15)
Não disputa o papel do homem, mas está feliz em cumprir e valorizar o seu próprio papel na história e na vida (I Tm 3.11)
Traja-se com feminilidade, humildade e modéstia
Usa roupas femininas e procura figurar-se com mulher na sociedade em que vive (Dt 22.5; I Co 11.15; I Tm 2.9)
Não se vale de artifícios de vaidade e luxo para embelezar-se, mas usa a modéstia e a beleza interior (I Pe 3.3-5)
Ensinam as moças mais novas com o testemunho e o exemplo (Tt 2.3-5)
Servem a Deus com dedicação e desprendimento
Sevem a Deus com total submissão e dedicação (Lc 1.38)
Servem a Deus com orações, jejuns e seus bens (Lc 2.37)
Servem a Deus com o testemunho e a evangelização (I Pe 3.1; At 9.36)
São filhas, esposas e mães exemplares
Como filhas são submissas à orientação dos pais (Mt 19.19)
Como esposas, amam aos seus próprios maridos e lhe são submissas ( Ef 5.22; Cl 3.18; Tt 2.4-5)
Como mães criem seus filhos na admoestação do Senhor (I Tm 5.9-10)
São hospitaleiras
Exemplo de Lídia (At 16.15,40)
Exemplo de Marta e Maria (Lc 10.38; Jo 12.2)
Exemplo de Sara (Gn 18.6; I Pe 3.6)
São sábias, comedidas e de poucas palavras
De tão raras, são mais preciosas do que finas jóias (Pv 31.10)
Não são faladoras, fofoqueiras, mas sábias e virtuosas (I Co 14.34; I Tm 3.11; Tt 2.3-5)
Não vivem como faladoras e fofoqueiras, mas guardam no coração as coisas importantes (I Tm 5.11-13)
São honradas, trabalhadoras e honram ao marido
São gestoras do lar, mantendo filhos em submissão e a casa em ordem (Pv 31.10-31)
Não têm preguiça, não acusam o cônjuge, mas trabalham com as próprias mãos na mantença do lar
Seus maridos são elogiados por tê-las como esposas e mães de seus filhos
Espelham-se na abnegação e doçura de Maria (Lc 1.30)
Imitam a fé de Ana (I Sm 1,2)
São boas filhas, obedientes e sábias como Rute (Rt 1.16)
Buscam a paz e a reconciliação, como Abigail (I Sm 25.32)
Convertem-se com a dedicação de Maria Madalena e as outras mulheres que serviam ao Senhor com seus bens (Lc 8.2-3)
São capazes de lutar em silêncio, dando o testemunho para a conversão do marido e dos filhos (I Pe 3.1)
São fiéis (I Tm 3.11)
Estariam as distintas jovens e senhoras dispostas enquadradas a cumprirem o que ensina a Palavra de Deus sobre a posição e testemunho feminino?
Não estariam motivadas a serem novas mulheres a partir de hoje, guiadas pela
Palavra de Deus, que é viva e eficaz?
Que Deus nos abençoe!

Nenhum comentário: