CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA

CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA
CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA - SEDE

16 de abr de 2010

O sentido do pudor

Se o corpo é expressão da alma, a educação do corpo levará a apresentá-lo como manifestação adequada do ser espiritual da pessoa.
A intimidade pessoal tem também um reflexo na intimidade corporal.
Já indicámos a diferença entre o domínio total do corpo que nos descreve o Génesis e a situação actual de ruptura interior.

O pudor é o aspecto da educação que nos leva a apresentar-nos, sempre como pessoas com alma e corpo.
É a defesa do aspecto pessoal do corpo, é evitar que apareça como simples objecto sexual.
Uma vez que essa experiência do corpo como simples objeto apetitoso está dentro das possibilidades normais de qualquer pessoa, quando nos apresentamos junto dos outros procuramos evitar-lhes que caiam numa consideração meramente animal do nosso próprio corpo.
E assim evitamos ser considerados como animais.
Porque o nosso corpo é parte da nossa pessoa.
O pudor consiste em apresentar o carácter pessoal do corpo.
O impudor consiste em apresentar-se como objecto sexual, em destacar o estritamente sexual, de maneira que chame a atenção do outro de maneira imediata.

Nenhum comentário: