CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA

CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA
CIRCULO DE ORAÇÃO DE SOROCABA - SEDE

15 de mar de 2010

DEUS DO IMPOSSÍVEL OU DEUS DE TODAS AS POSSIBILIDADES ?

“Jesus, fixando os olhos neles, respondeu: Para os homens é impossível, mas não para Deus; porque para Deus tudo é possível”.
Marcos 10:27) “porque para Deus nada será impossível”.
(Lucas 1:37)
Na vida, quase sempre, falamos mal porque ouvimos mal.
A repetição do erro assume uma freqüência tão intensa que pressiona os lexicógrafos a inserir tais palavras em seus dicionários e provocam mutações na língua.
Na teologia acontece algo similar, há diversos erros que são repetidos na tentativa de se estabelecer mudanças.
Mas, se a língua é a expressão de um povo e sofre mudanças; a teologia está relacionada a Deus e aos seus atributos e Ele é tremendamente marcado por sua imutabilidade.
Então teologia é algo estanque?
Claro que não.
A teologia não estuda só Deus, mas, também os relacionamentos de Deus com suas criaturas e dessas entre si.
Logo, podemos dizer que, teologia é dinâmica, interativa e relacional e que deve levar o homem à observância dos preceitos divinos, levando-o ao encontro de seu criador em sua essência.

Os textos bíblicos acima nos mostram que Deus não é o deus do impossível, nosso Deus não é caracterizado por fatores negativos e nos seus atos soberanos sempre são evidenciados por fatores positivos ou eficazes que referem-se à Sua pessoa.
Podemos ainda argumentar que a impossibilidade está sempre relacionada à limitação da criatura, não devendo ser usada para referir-se ao Criador que é ilimitado.
Como referir-se adequadamente a este atributo de Deus? Primeiro, devemos destacar o que Deus é; segundo, o que Ele faz; e, por último, visualizar os resultados.
Assim fazendo estaremos adorando e louvando ao Senhor, pois a ênfase maior estará no próprio Deus. Deus é Soberano, Poderoso, e nenhum dos seus planos pode ser frustrado, quando Ele age ninguém pode impedir, Ele preside os dilúvios, transforma as galáxias, desnuda os bosques, dá crias à corsa, socorre o aflito e abatido, pleiteia a nossa causa, é Aquele que nos fortalece, o nosso Libertador, o nosso Salvador, o nosso Pai, é o Santo de Israel, Aquele que está sempre presente, O que supre nossas necessidades, enfim o Nosso Deus.
O apóstolo Paulo percebeu quem Ele é e, baseado em sua união com Cristo, pôde dizer: “Todas as coisas posso naquele que me fortalece” (Fp. 4.13).
Deus não é o deus da negação.
Ele é Deus em sua própria existência e afirmação. Não diga que Deus é o deus do impossível
Adore e louve-o como Aquele que tudo pode e que na força de Seu poder lhe conduz à vitóri
Ele é o Deus de todas as possibilidades.
Viva nesta fé !

Pr. Sérgio Roberto Pinheiro Gomes

Nenhum comentário: